Smart Houses: o que são, de onde vem e como funcionam? – A.Dias

nov 22

Smart Houses: o que são, de onde vem e como funcionam?

As tecnologias estão ajudando a manter as pessoas conectadas com os seus lares. O avanço das novas tecnologias tem proporcionado mudanças significativa na rotina das pessoas. A conectividade é cada vez mais, tanto quando estamos falando dos smartphones cada vez mais poderosos, quanto quando o assunto são os imóveis. Sim, tudo está tão interligado que a casa e o seu telefone celular podem e devem se conversar a todo momento.

Hoje nos gerenciamos a nossa vida na palma da mão, as contas bancárias, os relacionamentos interpessoais, o acesso remoto está presente em tudo que estamos fazendo. Os carros, por exemplo, estão cada vez mais conectados, e o futuro dos veículos sem condutores já está a nossa frente.

Diante dessa realidade conectada foi criado o conceito das smart houses, que são as funcionalidades de uma casa todas conectadas a palma da mão, através do smartphone, o novo controle remoto.

Se você quer saber um pouco mais sobre como criar a sua smart house e como transformar o seu lar em uma extensão do seu aparelho de celular continue lendo esse post. Vamos lá?

Conexão fácil e acessível

O intuito dessa tecnologia é facilitar a vida das pessoas conectando todas as funcionalidades de uma casa através de um painel. Esse acesso pode ser via uma tela instalada em uma das partes da casa, ou até mesmo, através de um aplicativo específico para celular.

O sistema inteligente acende as luzes da casa, por exemplo, através de um simples toque. A intensidade e o tempo em que permanecerão acesas podem ser programados e definidos, sem a necessidade de se preocupar em esquecer as luzes ligadas.

Não importa o tamanho do imóvel, se é um apartamento de 1 quarto ou uma casa em condomínio fechado, por exemplo, em todos os tipos de imóveis podem ser instalados sistemas que automatizem todos os cômodos e ambientes de uma casa.

A possibilidade de automatizar as residências se deve a revolução digital, que permitiu que tudo estivesse cada vez mais conectado. Os dispositivos modernos conseguem comandar diversas áreas de uma construção como:

  • Portas
  • Janelas
  • Paredes móveis
  • Abertura e iluminação de piscinas
  • Relógios
  • As luzes de todos os ambientes
  • Ar condicionado
  • Campainhas
  • Câmeras de segurança
  • Os sistemas de televisão de home theaters
  • Fogão, micro-ondas, geladeira e outros utensílios de cozinha
  • Quarto das crianças

Como funcionam as smart houses

Segundo os especialistas, somente em 2018 mais de 20 bilhões de dispositivos estão conectados ao redor do mundo através de diferentes tipos de tecnologias. A previsão é que nos próximos anos esse número mais que dobre, com mais de 50 bilhões de dispositivos conectados.

Com isso, as casas automatizadas ou as smart houses estão ganhando bastante espaço nesses projetos. A tendência é que cada vez mais o controle das funcionalidades da casa sejam controlados através de aplicativos para smartphones ou outros tipos de dispositivos eletrônicos, até mesmo controle remoto.

Em sua maioria as casas já possuem algum tipo de automação, por exemplo, o portão automático. Mas espera-se que nos próximos anos até a abertura das portas aconteça de forma automática ao passar pelos cômodos da casa.

É possível criar esse tipo de sistema devido a atual facilidade de conexão com a internet. As ações podem ser programas a partir da instalação de dispositivos eletrônicos que obedecem aos comandos via internet.

Alguns itens para montar a sua casa, seja ela uma kitnet à venda em Balneário Camboriú ou uma casa em condomínio fechado é possível adquirir eletrodomésticos automatizados como:

  • Geladeiras que informam as datas de validades de alimentos
  • Fornos que ligam e desligam automaticamente, de acordo com o tipo de alimento
  • Robôs para limpar a casa e passar roupas
  • Ar condicionado que liga e desliga automaticamente, além de controle automático da temperatura
  • Vassouras automatizadas

Melhorando a segurança

Como os dispositivos controlam a maior parte das funcionalidades da casa, as fechaduras e portões, por exemplo, também respondem a esses comandos e se tornam mais seguros.

Assim como as luzes que são programadas para acender e apagar em horas específicas, os portões podem entender por sensores quais são os veículos que se aproximam e fazer a abertura e fechamento automáticos, para evitar que o morador fique muito tempo para o lado de fora aguardando para entrar em casa.

As fechaduras das casas estão cada vez mais modernas e hoje somente com o toque da digital de um dos dedos é possível abrir uma porta. O mais comum é automatizar a abertura de portas e janelas através de senhas e de comandos através dos dispositivos móveis. A facilidade e a segurança são itens que caminham lado a lado com a modernização e a programação das casas do futuro.

A casa do futuro

As casas automatizadas fazem parte das tendências para um futuro cada vez mais tecnológico.  Por isso, esse mercado está bastante em alta e cresce a procura pela incorporação desse tipo de sistema em todos os tipos de casas, sejam grandes ou pequenas.

As novas obras que estão sendo entregues nos últimos anos já trazem algumas tecnologias implantadas como as luzes e ventilação inteligente. Mas o mercado espera que muitos outros sistemas ganhem mais espaços nos próximos anos.

Quem hoje em dia se imagina morar em uma casa que não tenha portão eletrônico? Em um passado não muito distante isso poderia ser considerado desnecessário. Hoje, além de uma questão de comodidade, faz parte da segurança da casa, por isso os moradores não abrem mão de instalar essa tecnologia.

Nessa onda, as janelas, luzes, portas e principalmente os eletrodomésticos e eletrônicos estão cada vez mais interconectados e ligados por um dispositivo no celular. O que parecia tão distante se torna realidade, não é mais preciso levantar do sofá para acender ou apagar a luz, e nem se preocupar se perder o controle remoto debaixo das cobertas. Com o celular na mão todas as pequenas tarefas do nosso cotidiano podem ser realizadas.

Gostou deste artigo sobre smart house? Se você aprendeu um pouco mais sobre o sistema automatizado das casas e como essa tecnologia está ganhando espaço, aproveite para compartilhar esse post com os seus amigos através das suas redes sociais. Afinal, hoje em dia, quem está cada vez mais ligado nas novas tecnologias?

 

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.