Não perca 5 tendências de casa inteligente para o seu projeto – A.Dias

jun 05

Não perca 5 tendências de casa inteligente para o seu projeto

A casa inteligente não é um sonho a longo prazo como costumávamos assistir nos filmes futuristas do Blade Runner ou da família Jetsons. Ela já é uma realidade e está se tornando a nova tendência da arquitetura.

A tecnologia desenvolve técnicas que proporcionam conforto, praticidade, lazer e segurança. A boa notícia é que os custos desses serviços estão se adaptando à realidade das pessoas e sendo cada vez mais acessíveis aos diferentes tipos de família.

Preparamos para você 5 dicas que podem inspirar os seus novos projetos e agregar valor ao seu serviço. Acompanhe.

1. Automação residencial

A automação residencial é a adaptação para as residências de uma tecnologia que já é utilizada há muitos anos pelas indústrias em seus processos produtivos. No entanto, para as casas, a função visa proporcionar mais comodidade, diversão e proteção contra roubos, por exemplo;

Trata-se de uma central eletrônica que permite a comunicação em tempo real de vários equipamentos, a curta ou longa distância. Para você decidir o que pretende automatizar, o ideal é contratar projetos de arquitetura e de automação.

Praticamente, para tudo que você pensar, os projetistas já desenvolveram algum sistema. Conheça alguns dos vários serviços que você pode automatizar em uma casa:

  • iluminação;
  • aquecedor da banheira;
  • irrigação de jardim;
  • cortinas e persianas;
  • portas;
  • janelas;
  • torneiras;
  • chuveiros;
  • câmeras de monitoramento de segurança;
  • sistema de som.

2. Solução com ou sem fio

A automação residencial permite que você possa optar por fazer sua instalação com ou sem cabos. É possível fazer o serviço todo remoto, por meio de internet e wi-fi. Essa opção é muito útil no caso de reformas, pois evita a necessidade de quebrar paredes.

3. Interface amigável

A tecnologia da casa inteligente trabalha com interfaces amigáveis. Isso quer dizer que os comandos são simples — e não é necessário que você seja especialista em computação. O sistema é autoexplicativo e bastam alguns toques para funcionar o que precisar.

4. Climatização em casa inteligente

Imagine o conforto que é descer do carro na garagem e encontrar a sala, o quarto, o escritório e outros ambientes fresquinhos ou quentinhos!

Isso é possível porque o ar-condicionado pode ser programado para ligar antes de você chegar do trabalho ou de seus compromissos. Além disso, gera economia, pois você não corre o risco de esquecer o equipamento ligado.

5. Mobiliário versátil

A indústria de móveis e eletrônicos também já percebeu esse novo conceito de residências e está procurando se adaptar. Já estão disponíveis sofás que inclinam conforme o peso do usuário e travesseiros e camas que vibram com a função de despertador.

Além disso, os sistemas podem ser integrados — o que significa que não é necessário espalhar monitores de TV pela casa inteira para verificar o circuito fechado (CFTV): você pode acessar as câmeras pelo celular, tablet ou notebook.

Assim, conhecendo as tendências para projetos, apresente aos seus clientes a casa inteligente. Mostre que você é um profissional que acompanha as inovações do mercado e exponha os benefícios disponíveis pela tecnologia que podem ser aplicados nas residências.

E agora que já sabe onde buscar inspiração para seus novos projetos, continue no blog e conheça melhor as smart houses!

 

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.