4 dicas essenciais para escolher o ar-condicionado no verão

3 minutos para ler

As altas temperaturas quando o clima está quente podem ser bem desagradáveis. Por isso, o uso de ar-condicionado no verão é quase obrigatório. Entretanto, é preciso escolher o aparelho certo, pois a grande variedade pode confundir e levar você ao erro na hora da compra. São diversos os fatores que merecem atenção para acertar na aquisição.

Descobrir qual a temperatura ideal que você deseja, os tipos de ar-condicionado disponíveis e a potência são só alguns dos tópicos que devem ser pensados. O verão é a estação mais quente do ano e garantir que essa época seja mais agradável é fundamental.

1. Pense em suas preferências pessoais

Apesar do calor, nem todas as pessoas gostam de ficar em lugares com temperaturas muito baixas também. Logo, um aparelho com alta potência e que resfrie muito o ambiente não faz sentido. Para escolher o ar-condicionado no verão, saiba o que você deseja e busque por equipamentos que estejam dentro dos limites estipulados.

Para um ambiente pequeno, um ar-condicionado de 9.000 ou 12.000 BTUs é o suficiente. Portanto, veja quais as suas preferências para encontrar o aparelho ideal.

2. Escolha o modelo certo

Basta uma rápida pesquisa pelo mercado para ver uma variedade de modelos de ar-condicionado. Entre os principais estão:

  • de janela;
  • split;
  • cassete;
  • split Hi-Wall;
  • split Wi-Fi;
  • inverter;
  • quente e frio;
  • multi-split;
  • portátil.

Como você pode ver, não faltam opções. No entanto, você deve levar em consideração a estrutura da sua casa, o espaço em que o equipamento será instalado e mais uma série de fatores. Nos dias quentes de verão, ter um ar-condicionado que não supre as suas necessidades seria bem frustrante, não é? Então, conheça um pouco os modelos para não errar na escolha.

3. Avalie as características do ambiente

Você pode não imaginar, mas há muitos aspectos que se deve levar em conta para comprar o ar-condicionado no verão. É importante considerar:

  • o tamanho do cômodo;
  • a incidência de sol no ambiente;
  • a quantidade de pessoas que frequentam o local;
  • os eletrodomésticos presentes.

Com base nessas informações, você poderá calcular a quantidade de BTUs para resfriar o cômodo. Essa é uma das principais medidas para que você consiga o resfriamento adequado. Portanto, não desconsidere essas características e se certifique que investirá no ar-condicionado de um bom modelo e com a potência certa.

4. Verifique o consumo de energia

Se você escolher o ar-condicionado com base nas dicas apresentadas, saiba que vai economizar. Comprar o modelo errado fará com que o gasto de energia seja maior, pois a capacidade do aparelho não está de acordo com o ponto em que foi instalado. Então, muito provavelmente você culpará o equipamento pelo alto consumo, mas a verdade é que ele simplesmente não é o mais indicado para aquele ambiente.

Contudo, existem modelos que são realmente mais econômicos, como o Inverter. Esse aparelho trabalha com ciclos e você nota os resultados na sua conta de luz.

A aquisição de um ar-condicionado no verão trará grande alívio naqueles dias quentes, mas uma boa compra depende de muitos fatores. Um dos principais é o consumo de energia dos equipamentos, mas siga as dicas deste conteúdo que você não se arrependerá da compra!

Aproveite e veja também mitos e verdades sobre o consumo de energia de ar-condicionado!

ar condicionado lgPowered by Rock Convert

Posts Relacionados

Você também pode gostar

Deixe um comentário