Ar-condicionado em casa de praia: cuidados antes e depois da compra – A.Dias

jan 06

Ar-condicionado em casa de praia: cuidados antes e depois da compra

ar-condicionado-casa-de-praia

Com a chegada do verão, uma das coisas que primeiro vem à nossa mente é encontrar uma forma de nos refrescarmos. Queremos sombra e água fresca, e logo pensamos em ir à praia para aproveitarmos aquele ventinho gostoso que vem do mar.

Porém, engana-se quem pensa que na praia não é preciso ar-condicionado. Os litorais no verão costumam ser mais quentes que as outras cidades, com temperaturas chegando a 40 graus facilmente.

No post de hoje, daremos dicas de cuidados para se ter com o ar-condicionado em casa de praia, antes e depois da compra. Confira!

Qual o modelo mais indicado?

Os mais indicados para casas de praia são os modelos janela e split. Porém, o split é mais vantajoso, pois tem maior potência e quase não faz ruído. Além disso, possui controle remoto que permite o comando de temperatura a distância, tem uma aparência mais moderna que a do outro modelo e, finalmente, o buraco feito na parede é bem menor que o do tipo janela.

A desvantagem do split é que é mais oneroso. Mesmo os modelos mais acessíveis saem mais caro, devido ao fato de a instalação ser mais dispendiosa também.

Uma alternativa também é o ar-condicionado portátil: é leve, fácil de carregar e pode ser colocado em qualquer lugar. Basta adaptá-lo a uma peça que concilie com a capacidade de refrigeração.

Onde deve ser instalado o ar-condicionado em casa de praia?

O melhor local da casa é onde as pessoas passam mais tempo. Um bom lugar é o quarto, onde poderá se ter um melhor sono, contando com uma proteção térmica. Lembre-se de que o aparelho deve ser colocado em um local mais alto, para que o ar frio se espalhe mais facilmente.

Uma boa dica é que o ar-condicionado nunca deve ser inserido em um espaço com instalações elétricas ou canal de água ou esgoto, pois, dessa forma, previnem-se acidentes, vazamentos e outros transtornos que poderão comprometer a estrutura do imóvel.

Quais cuidados tomar com relação à maresia?

Os aparelhos eletrônicos precisam de maior atenção quando localizados em casas de praia. Para que não comecem a enferrujar muito cedo, uma opção é utilizar tubos de alumínio no momento da instalação, pois eles são mais resistentes que os de cobre.

Há a opção de se aplicar uma tinta protetora que adia os efeitos da maresia. Para a parte externa, existem os protetores que, além de propiciarem uma maior conservação do aparelho, melhoram a aparência da residência, esteticamente falando.

Como é realizada a manutenção?

A manutenção deverá ser feita realizada de forma contínua, já que em muitos casos o aparelho só será ligado no período de férias ou feriados. O filtro deverá ser retirado do aparelho e lavado com água corrente a cada trinta dias. Se o ar-condicionado for maior, a revisão será a cada noventa dias. Passados de 3 a 4 anos, será a hora de fazer uma limpeza geral, sendo recomendado levá-lo a uma assistência especializada.

Existem várias formas de se aproveitar o verão, sem renunciar do conforto e do bem-estar.

Gostou das nossas dicas sobre o ar-condicionado em casa de praia? Está pensando em dar uma repaginada na sua casa? Então não deixe de baixar o nosso e-book sobre decoração de ambientes com ar-condicionado!

Posts Relacionados

2 comentários

    • Dirce on 3 de fevereiro de 2019 at 13:27
    • Responder

    Bom dia, ouvi dizer que os inverter não são indicados para litoral pois dão muita manutenção, isso é verdade?

    1. Olá Dirce, Muito pelo contrário , a tendência são os equipamentos Inverter, inclusive grande parte dos Fabricantes nem produzem mais os convencionais, a Tecnologia inverter tem durabilidade, economia e maior eficiência. Boa Sorte!

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.